Navigation conteúdo Atividades na Áustria

Verão da Caríntia

Coragem de ser diferente: o conhecido e o desconhecido, a inovação e a tradição misturam-se no Verão da Caríntia, que tem como tarefa romper com o habitual repertório musical.

Carinthian Summer © CS/Ferdinand Neumüller
O Verão da Caríntia comprova todos os anos, desde 1969, que uma música nova e tocada com perfeição pode ser entusiasmante. Estreias austríacas, “Composer in Residence” e, como pilar do festival, a estreia anual de uma ópera sacra demonstram o entusiasmo da inovação e das novas experiências do evento que mistura o conhecido e o desconhecido. Tudo é possível, do tango à música popular.

Para os organizadores, o diálogo entre compositores, intérpretes e público tem a mesma importância dos cursos e eventos para crianças.

Considerando-se a qualidade e a diversidade programática do Verão da Caríntia, não é de se admirar que os artistas ligados ao festival, pertencentes à elite mundial, leiam música moderna e clássica. Foi assim que Gottfried von Einem encontrou nesse festival um espaço aberto, assim como Arvo Pärt, Zubin Metha, Riccardo Muti, Gidon Kremer e muitos outros.

Os locais onde acontecem as apresentações são tão variados quanto o programa e incluem as margens do lago Ossiach, o mosteiro Stift Ossiach, magnificamente guarnecido na época barroca, a Bergkirche (Igreja da Montanha), em Tiffen, perto de Feldkirchen, a casa de pedra vanguardista de Günther Domenig, a igreja gótica de St. Martin, em Feldkirchen, a ruína do castelo Glanegg, assim como o Congress Center Villach, “segunda pátria” do festival. O festival se colocou como meta romper o cada vez mais restrito repertório musical da maior parte dos organizadores de concertos.

O Verão 2011 da Caríntia acontecerá em Milhaud, cujas cantatas cênicas “O Regresso do Filho Pródigo” continuam sendo a tradição das óperas sacras de Ossiach.

Data: 10/07 – 19/08
www.carinthischersommer.at